Reduzi os seios, posso amamentar?

Muitas mulheres sofrem com seios excessivamente grandes que podem impedi-las de levar uma vida ativa por causa do desconforto. Para driblar esse aspecto, a mamoplastia redutora é uma das cirurgias mais procuradas. O procedimento também é indicado em casos especiais, como recurso complementar no tratamento de determinadas doenças de mama.

É comum pacientes que já fizeram ou que vão realizar a cirurgia terem dúvidas sobre a possibilidade de amamentar após o procedimento. Em casos de pequenas e médias reduções, geralmente não há problemas e a lactação é preservada. Porém, quando a diminuição é acentuada, é necessário conversar com o cirurgião sobre os riscos de ter prejudicada a possibilidade de amamentação futura.

mamas

 

A redução é realizada com a remoção do excesso de gordura, do tecido glandular e da pele, para atingir um tamanho ideal para cada caso. Conforme a avaliação médica, é preciso manter proporções equilibradas entre o volume da nova mama e o tamanho do tórax da paciente, seguindo a maior harmonia estética possível.

O tempo médio para que os seios atinjam seu aspecto definitivo leva aproximadamente 18 meses, incluindo forma, consistência, volume e sensibilidade. O pós-operatório, desde que obedecidas todas as instruções, principalmente quanto à restrição dos movimentos dos braços, não é dolorido. As cicatrizes normalmente ficam disfarçadas ou até mesmo imperceptíveis.

Para saber mais sobre cirurgias plásticas no período pós-parto clique aqui.

MAIS
POSTAGENS

Phone
WhatsApp
WhatsApp
Phone