Rinoplastia - Correção de nariz | Clínica D'Alo
A Clínica D’Aló, liderada pelo cirurgião plástico Leonardo D’Aló, trabalha para cuidar do bem-estar dos pacientes, traduzindo seus anseios e expectativas em resultados.
leonardo dalo, clinica, cirurgia plastica, porto alegre
15534
page-template-default,page,page-id-15534,ajax_updown,page_not_loaded,,vertical_menu_enabled,qode-title-hidden,side_area_uncovered_from_content,qode-theme-ver-16.3,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-5.5,vc_responsive

Rinoplastia
Correção de Nariz

Existe um equilíbrio estético entre o nariz e a face, a fim de preservar a naturalidade e autenticidade do rosto. Por isso, a Rinoplastia estética é aquela que mais chama a atenção pelos resultados. Além disso, o procedimento visa melhorar as condições respiratórias do paciente quando necessário.

Pode haver alguma dificuldade no pós-operatório mediato (algumas semanas), pelo fato de existir um edema também na parte interna do nariz. Assim, o movimento de “válvula respiratória” fica prejudicado nesse período, por alteração da elasticidade das asas. Com o decorrer do tempo, isso tende a se normalizar.

Problemas respiratórios geralmente são ligados ao septo que, em muitos casos, é corrigido no mesmo tempo cirúrgico. A prática nos mostra que, em alguns casos, após realizada a Rinoplastia, desaparecem os sintomas crônicos de respiração que vinham incomodando o paciente há anos. Entretanto, isso não poderá ser assegurado para todos os casos.

Na Rinoplastia, praticamente não existem cicatrizes aparentes no nariz. Isso porque as incisões (cortes) são feitas dentro do nariz ou nos sulcos, consequentemente não deixam vestígios aparentes. Em casos especiais, quando as asas nasais são tratadas, existem duas pequenas cicatrizes nos sulcos entre as asas e a face que, com o passar das semanas, tornam-se praticamente imperceptíveis. Em outros casos, uma cicatriz praticamente imperceptível pode ser notada na parte inferior do nariz.

Após o término da cirurgia, o nariz é mantido imobilizado com gesso, que permanece por cerca de sete dias. Poderá ser utilizado o tamponamento nasal (com gazes vaselinadas) por um período de 48 horas a 72 horas.

Várias fases são características do pós-operatório da Rinoplastia. Na primeira, logo após a retirada do gesso, em torno o sétimo dia, apesar de corrigidos vários defeitos estéticos do nariz original, notamos um edema (inchaço). Ele diminui com o passar dos dias e tende a desaparecer totalmente em torno do sexto mês. A persistência ou não do edema transitório por um período mais longo do que o normal geralmente não interfere no resultado final.

O paciente não deve esquecer que, até que se atinja o resultado almejado, diversas fases evolutivas são características desse tipo de cirurgia. Por isso, é preciso ter paciência e lembrar que nenhum resultado de cirurgia estética do nariz deverá ser avaliado antes do sexto mês pós-operatório.

O resultado de uma Rinoplastia é praticamente definitivo. É preciso ressaltar, porém, que, após a quinta década de vida, qualquer nariz começa a apresentar alterações morfológicas devido à transformação da qualidade da pele que o reveste.